Quem ri é mais feliz?

Todos nós sabemos que um sorriso pode “quebrar o gelo”. Como seres que vivem em grupo, nós, os humanos, aprendemos a sorrir porque isso facilita nossa aproximação e interação com as outras pessoas. Rir é um comportamento que ajuda a controlar os sentimentos negativos, como insegurança e hostilidade, e a reduzir conflitos. Tudo isso contribui para a diminuição dos níveis de stress no dia-a-dia.

Por sua capacidade de aliviar as tensões, o ato de sorrir pode prolongar o nosso tempo de vida, nos ajudando a ser mais saudáveis. Isso é o que indicam vários estudos científicos realizados nas últimas décadas por pesquisadores em todo o mundo. Essas pesquisas mostram que quem usa o humor para lidar com situações desagradáveis e desafiadoras tem um sistema imunológico mais forte.

Quando sorrimos, aumenta o número das células responsáveis por destruir tumores e vírus no nosso organismo. Sorrir também expande os vasos sanguíneos, melhorando a circulação. Uma prolongada e gostosa sessão de gargalhadas coloca em ação vários órgão internos e músculos do corpo, queimando calorias. Todas essas transformações físicas proporcionadas pelo riso levam nosso cérebro a liberar endorfinas, neurotransmissores associados às sensações de prazer e satisfação. A ciência, portanto, vem confirmando que quem ri pode ser, sim, mais feliz!

Escrito originalmente para o Caderno Espaço Vida/Unimed-RS, em Setembro de 2009

Imagem: “Velho Sorriso” por Leyman, em 1x.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s